terça-feira, 18 de setembro de 2007

Viagens da minha terra..

...para outras!

Estou sentado enquanto espero a partida do comboio. À minha frente um homem de fato preto com as beiras do colarinho do ceda preta, conheço-o - é um Zara primavera-verão '06. Os miúdos entram saídos dos ciclos e das secundárias. Ainda não vêm muito carregados de livros. Finalmente arrancou. Sempre pontual. Pelo menos assim o é quando estou eu atrasado. Vão entrando pessoas no caminho. Todo o tipo de pessoas: alunos, professores, reformados, feirantes.. Oh como me custa a viagem.. Aquela mistura de odores corporais.. Sinto-me claustrofóbico. Detesto os transportes públicos. Não por causa das pessoas, sinto-me alérgico aos mais diversos cheiros que as pessoas "carregam"..

Conheceram elas os desodorizantes e as pastilhas para o mau-hálito?

5 comentários:

Martinha disse...

É essa a parte chata dos transportes públicos, a mistura de odores corporais, vindos de todos os cantos, que se concentra no ar...
Infelizmente ainda não há volta possível para esse "mal"...

Beijo *

O que te vai na alma!! disse...

LOLOLOL é k é mesmo...
:P

abraço

Get Real! disse...

Impressão minha ou inspiraste-te num dos últimos posts de Pedro Crispim? Deixo um excerto:
"Tenho nojo de todo o tipo de odores deste genero, acho horrivel e chego a mudar de passeio quando me deparo com isto...sei que parece exagero mas incomoda-me mesmo ao ponto de evitar estar com alguem ou entrar em casa de alguem que tenha estes cheiros consecutivamente.
Como é que se pode apreciar a nossa arquitectura ou ate a minha musica maravilhosa com esta gente que não se lava e que não sabe o que é um desodorizante ou umas pastilhas para o halito."
Bom, pelo menos a mensagem que o Pedro se propunha passar está, de facto, a ter frutos.
Boa noite e bons posts!

Felipe Nunes disse...

Obrigado pela tua visita ao meu blog. Como já vê expliquei no teu blog, quando estava a escrever o que sentia no comboio a caminho do Porto lembrei-me do texto do Pedro. Acho que ele não se importa. Quando o apanhar no msn pergunto-lhe.

A fazer novo post ;)

Intimo Misterio disse...

As palavras sussurram delicadamente
prazeres inconfessáveis e não ditos
Mãos espalmadas em busca de espaço
desafiando as leis da física...
Pernas, ora trançadas ora retesadas...
querendo quebrar todos os limites
Bocas em beijos, em cada milímetro...
engolindo toda a possível resistência

Entre lençóis,
os amantes se esquecem
eternamente do tempo ...

Assim te desejo um intenso e prazeroso fim de semana ;)

Beijo
Intimo Misterio
www.intimomisterio.blogs.sapo.pt